Quem sabe?

Fala, coração!
Diga o que sabe
Das minhas dores
Já que você aprontou essa

Fala de estrelas
E me diga onde você vai
Agosto, noites de desejos
Busco o amor
Encontro o desejo
Vejo sorrisos
Agrado ao meu jeito

Ah, como é difícil explicar
Mas você estrela
Diga-me se posso acreditar
Dos amores nada sei
Quando chegam
Ou a hora em que partem

Estrela de meus sonhos
Venha outra vez amanhã
Me diga se é verdade
Se isso realmente existe
É bem difícil esperar
Mas você pode me dizer
Somente a verdade...

O amor não sabe
Quando é pra vir
Quando não é pra ir
Mas quando o amor vem
Muda em torno
Faz a noite toda brilhar

Tudo vai mudar...
E depende só
De você

Leonardo Távora