"Mulheres que Amaram": Eva

Percebe com a alma
O que a razão não entende
Forte ao ser frágil
Frágil ao ser forte
Em seu ventre corre vida
O coração é seu norte

Eva e Pandora
Maria e Afrodite
Raiz de tantos males
Solução para o problema
Às vezes gigante
Às vezes tão pequena

Contradição tão clara
Entre si e ela própria
Revela-se ao se esconder
Molda-se entre o ser e o querer
Reergue-se ao cair
Com mais força pra viver

Eva não veio do homem
Este que veio dela
Este que gira
Ao seu redor
Ela é o Sol que lhe dá vida
E faz do mundo um lugar melhor

Celso Garcia