Por quê?

Por que o ódio parece sempre vencer?
Basta tão pouco para tudo acender
Apenas um fósforo para incendiar
Para tudo pelos ares mandar

Por que tanta loucura nos assombra?
O certo tem o ar insosso do que é careta
Os loucos vendem mais na propaganda
Mesmo quando o extremo bate à sua porta

Por que etnias brigam e se desgastam?
São massas arrastadas por alguns que inventam
Pessoas se detestam só pelo que disseram
Sentimento coletivos que sobre as mentes imperam

Por quê?
Alguma resposta?
Um motivo pra tudo isso?
Uma razão para seguir com tudo?

Silêncio!
Nos calamos porque não podemos
Porque não somos nós que brigamos
Não somos nós que o ódio semeamos

Boca fechada
Olhos vendados
Sentidos guardados
Em frente à TV ligada

Enquanto o sofrimento do outro
Pela TV servir ao nosso lazer
Jamais teremos aquilo tudo
Que nascemos para viver

A vida é um tenro e largo sorriso
Inclusive para quem já até esqueceu o que é isso

Leonardo Távora
(Pelas vítimas inocentes do ódio de quem precisa viver agarrado ao poder mundo afora. As guerras não vão acabar por causa de alguns versos - infelizmente! Eles servem apenas para que reflitamos e transformemos a nós mesmos. Isso sim muda o mundo!)