Além da luz das estrelas

Mude você
E comece lá por dentro
Mas permaneça no mundo

Estamos irrequietos
Com pensamentos invisíveis
Mas deles a gente não sai


Se até a vida muda de ideia
Mude também suas intenções
Ainda que ninguém saiba como se faz

Mande as estrelas descansarem
Elas se vão, mesmo sem querer
Transforme as coisas por você
E o universo vai notar, diferir
Sem as estrelas, a vida vai se transformar

Nos soturnos das noites longas
A gente aprende, não tem jeito
As marcas minhas feridas que consomem
Você fecha quando decide, vai lá e faz.
Vai ser por uma nova ideia

Ou será por novas crenças
A gente muda, renova a vida, se constrói

Acerte, entre o destino e o seu desejo
Entenderá porque tudo precisa de reforma
Compreenda, já deu, e muda

Se tudo tem sua hora
Não precisa com medo ficar
Mande as estrelas embora
Faça nova luz onde você está
Leonardo Távora