Aquele que Vem das Nogueiras

Eu nasci para te amar, 
Mesmo com medo de falar, 
De te olhar, 
De te beijar e dizer: Fique comigo. 
De te dar as mãos, 
De sonhar com você, 
De gritar seu nome dizendo: 
Espere-me. 

De te abraçar, 
Carinho dar e apertar. 
De sorrir e retribuir, 
De simples ser e assim ser feliz... 

Com você, 
Comigo, 
Com a gente.

Sandro Aragão