Diário de um nerd

Maio, 13. “Eu não assisti Avatar”. Assim, o vloger PC Siqueira inicia um de seus primeiros vídeos no Youtube. Lá, o jovem ‘vesgo’ relata suas dificuldades para ver o filme tão popular na época, mas que ele mesmo nunca conseguia assistir.
Hoje, eu entendo o PC. Entendo porque eu não vi Os Vingadores 2. Os Vingadores – Era de Ultron.
Um dos filmes mais comentados em todas as redes sociais, sites, jornais, TVs e até rádio do mundo por, praticamente, todas as pessoas do mundo. [drama queen]
Já faz um mês que o filme estreou e, até hoje, não fui ao cinema. Preguiça, outras atividades, trabalho, falta de dinheiro. Tudo atrapalha. Tudo é motivo para não ir. 
Vou me contentar e esperar sair em DVD. Ou o Telecine resolver exibir na TV mesmo. Desisto.
Maio, 14. Não desisto não. Quero ver Os Vingadores e quero ver no cinema! Imagina só ver o Hulk enfrentando o Homem de Ferro na telona? Preciso saber logo por que isso acontece, o trailer me deixou curiosa.
Maio, 15. Amanhã eu vejo Os Vingadores! 
Maio, 17. Não fui ontem. Hoje também não dá. Decepção. Tristeza. Do próximo sábado não passa! Ou domingo.
Maio, 18. Agora vai! Thor, me aguarde!
Maio, 19. Tony, nos vemos no sábado. Ou no domingo.
Maio, 20. Olá, Steve... Estou chegando.
Maio, 21. Dr. Banner, por favor, fique calmo. De sábado não passa.
Maio, 22. É amanhã! Nat, Clint, quero muito conhecer Wanda e Pietro.
Maio, 25. Decepção. Tristeza. Ecos de PC Siqueira voltam a me assombrar. Eu não vi os Vingadores.
Maio, 27. Desisto oficialmente. Nem notícias, nem spoilers. Não quero mais. Vou para a DC. Chega de Marvel.
Maio, 28. Mentira. Marvel, não se vingue. Ainda te amo. Continue nos fazendo felizes com suas produções maravilhosas. DC, amo você também. Menos, mas ainda é amor.
Maio, 30. Uma ligação. Uma proposta. Uma certeza.
Maio, 31. “Gente, depois disso não tem mais nada. Pode sair da sala”, disse o segurança. O que ele não sabia era que, mesmo com as luzes acesas, o cinema não ficaria vazio. Só saio daqui quando subir a última palavrinha. Satisfação. 
Eu vi Os Vingadores! Apesar de simples, essa frase resume minha felicidade. A alegria pelo filme assistido, pelas risadas, pelas surpresas e pelas novas expectativas. 
“There are no strings on me...”

Marina Messias