O 'sonhar' é preciso

No ar 
Eu deixei aquelas palavras que quis falar 
Vagueiam os sons que disse quando estava só 
Ficam as impressões daquilo que nós sentimos 

Ficam as canções que já compus 
Variam os pássaros com os recados que enviei 
Eu que não sou tão bom além das palavras 
No ar

É preciso sair do chão 
Quando a alma se alimenta 
E o coração assume o controle 
Da vida da gente 

Vamos gritar ao mundo 
Escolher melhor os caminhos 
Que iremos percorrer 
Atrás dos nossos sonhos 

Pois a vida só é longa 
Para quem já desistiu de viver 
Mas ela é curta, muito curta 
Para quem não se cansa de sonhar 

Realizar 
E fazer o que desejo acontecer 
E transformar a minha realidade 

E entender a razão de vivermos 
E sempre correr atrás do que queremos 
Realizar

Leonardo Távora