Ao sagrado tempo do ano novo

Novos anos predizem novos tempos
Momentos de renovar e fazer acontecer uma nova vida
É quase o mesmo que morrermos e renascermos
Hora de jogar o passado em seu devido lugar
Mesmo aquele passado que aconteceu ontem mesmo
Vai tudo para a indelével vala da lembrança
Forte ou vaga memória
Os novos anos renovam as esperanças humanas
São motores de uma vida que se pretende melhor
Nesses momentos fazemos inúmeras promessas
Muitas delas que jamais serão cumpridas
Mas que servem para nos dizermos: “Estamos vivos”
É nosso modo de afirmar ao mundo que existimos
Que podemos inclusive modificá-lo
Sagrado tempo do ano novo
Chegue e renove nossa razão de existir
Venha e se faça motivo de crescimento para nós
Tempo que abre horizontes
Força que transforma nossa vida
E que a cada novo raiar do sol
Sejamos tudo aquilo que sonhamos

Que venha 2012!
Com os sonhos e as realizações que cada um almeja.

Leonardo Távora